Cinefilia - UOL Blog
Crítica: Um Beijo a Mais

Normalmente não gosto de escrever críticas em primeira pessoa, mas dessa vez decidi fazê-lo pela experiência que tive.

 

Todos já tiveram esse tipo de sensação: entrar no cinema buscando um filme por puro passatempo e sair de lá impressionado com o que viu. Foi o meu caso com “Um Beijo a Mais” (The Last Kiss, EUA, 2006). Ao me sentar na poltrona tinha apenas duas informações sobre o longa. Primeiro: era dirigido pelo vilão de “Ghost”, Tony Goldwyn. Segundo: era estrelado por Zack Braff, protagonista da série Scrubs e diretor do elogiado “Hora de Voltar”. De resto só esperava ver um filme minimamente interessante.

 

            A questão é que fui surpreendido por um longa que entende muito bem o universo masculino ao contar a história de um grupo de amigos, tendo como linha principal a de Michael, cuja namorada Jenna está grávida. Paralelamente acompanhamos o caso de Stephen e Anna, pais de Jenna, que passam por uma crise em seu matrimônio.

 

            Os relacionamentos são mostrados através de um olhar bem particular na maior parte dos casos. Em cada um dos amigos de Michael (com ele inclusive) fui me identificando com certos aspectos de seus problemas. O roteiro de Paul Haggis (“Crash – No Limite”), baseado no longa de Gabriele Muccino “L’ultimo Bacio”, vai desenrolando com cuidado cada história, mostrando aos poucos as personalidades e inseguranças daquelas pessoas.

 

            E aí chegamos ao cerne de “Um Beijo a Mais”. O medo de Michael em relação ao futuro ao lado da mulher e filho, em paradoxo com a sua afirmação de que ele olha pra frente e vê que pode não mais haver surpresas, é fascinante. Algo que vai culminar em sua atração pela jovem Kim, uma estudante de música atiradinha e que lhe representa uma possibilidade diferente para um futuro tão planejado.

 

            Quem olhava pra mim durante a projeção facilmente percebia a ligação que tinha com os personagens. Realmente é possível se preocupar com eles, uma vez que a câmera de Tony Goldwyn discretamente invade aquele cotidiano de pessoas que poderiam muito bem andar entre nós.

 

            Sinceramente não vejo como alguém, com a guarda baixa, não pode se deixar levar pela história. Não nego que nos minutos finais há um quê de comédia romântica açucarada, mas se todas tivessem a metade da maturidade desta, não haveria o preconceito com títulos como o deste ótimo exemplar sobre relacionamentos.

 

            Para finalizar digo que Zack Braff ganhou um novo fã. Esse foi meu primeiro contato com seu trabalho, mas no dia seguinte já estava na locadora procurando “Hora de Voltar” e percebi que ele não é mesmo ator de um filme só. Aliás, não posso terminar essa resenha sem falar de Tom Wilkinson. Ele está irretocável, como de costume, e Blythe Danner, como sua esposa, é outra que mostra serviço.

 

Bom, estraguei a surpresa que teriam como a que eu tive, mas “Um Beijo a Mais” é o tipo de filme pouco divulgado e que merece mais que completar sessões em um multiplex qualquer abarrotado de blockbusters. Assistam!

 

Nota: 8,5

 

 

A namoradinha do Hulk 2

Parece mesmo que a Marvel quer desvincular totalmente o novo Hulk do antecessor, de Ang Lee. Depois da escolha de Edward Norton como Bruce Banner, agora é a vez de Betty Ross ganhar um novo rosto. Vivida ateriormente pela bela Jennifer Connelly, a nova intérprete será a também bela Liv Tyler, que viveu a elfa Arwen, par romântico de Viggo Mostensen na trilogia "O Senhor dos Anéis".

A direção será de Louis Leterrier, de "Carga Explosiva". O filme tem estréia para 2008 e começa a ser filmado ainda esse mês.

Veja 10 minutos de Ratatouille

Em julho desse ano estréia o novo longa da Disney/Pixar, "Ratatouille", dirigido por Brad Bird. Para um gostinho do que virá por aí o estúdio liberou 10 minutos da animação. Clique na figura abaixo e aproveite.


Comentários de Última Hora: se depender desses poucos minutos o filme pode ser a melhor coisa que o estúdio já produziu, acima até de "Os Incríveis" e "Monstros S.A.", recuperando-se do pequeno tropeço "Carros".

E o Oscar irá para...

A jovem atriz Lindsay Lohan, 21 anos, disse ao site IMDb que quer ganhar um Oscar, e o veículo para isso pode ser o thriller "I Know Who Killed Me", de Chris Sivertson. Segundo ela, que esteve no elenco do derradeiro filme Robert Altman "A Última Noite", é uma atriz séria, ressaltando o quanto essa produção é importante para sua carreira. "Não acredito que exista um filme tão importante para um ator como esse filme é pra mim", disse.

Lindsay despontou no cinema aos 12 anos com a refilmagem "Operação Cupido", em 1998, ao lado de Dennis Quaid, no qual interpretava gêmeas. Fez participações em séries como "That 70's Show" e protagonizou os sucessos "Sexta-Feira Muito Louca" e "Meninas Malvadas". Teve problemas com anorexia e recentemente estampou as páginas das revistas de fofoca pelas farras noturnas e grandes bebedeiras.

 

De novo Santoro

Saiu a relação de indicados para o MTV Movie Awards, promovido pelo famoso canal de música norte-americano. O brasileiro Rodrigo Santoro está entre os indicados a Melhor Vilão pela sua interpretação de Xerxes em "300". Ele figura entre nomes como Jack Nicholson ("Os Infiltrados") e Meryl Streep ("O Diabo Veste Prada").

O prêmio é entregue há 15 anos e quem escolhe os vencedores é a audiência da MTV que pode votar em seu site. Entre as 10 categorias do prêmio, destacam-se a de Melhor Beijo e Melhor Filme de Verão Que Você Ainda Não Viu.

Veja abaixo os indicados.

Melhor Filme
300
Escorregando Para a Glória
Borat: O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América
Pequena Miss Sunshine

Piratas do Caribe 2 - O Baú da Morte

Melhor Atuação
Gerard Butler (300)
Johnny Depp (Piratas do Caribe 2 - O Baú da Morte)
Keira Knightley (Piratas do Caribe 2 - O Baú da Morte)
Jennifer Hudson (Dreamgirls - Em Busca de um Sonho)
Beyoncé Knowles (Dreamgirls - Em Busca de um Sonho)
Will Smith (À Procura da Felicidade)

Melhor Estreante
Emily Blunt (O Diabo Veste Prada)
Abigail Breslin (Pequeno Miss Sunshine)
Lena Headey (300)
Columbus Short (Stomp the Yard)
Jaden Smith (À Procura da Felicidade)
Justin Timberlake (Alpha Dog)

Melhor Performance em Comédia
Emily Blunt (O Diabo Veste Prada)
Sacha Baron Cohen (Borat: O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América)
Will Ferrell (Escorregando Para a Glória)
Adam Sandler (Click)
Ben Stiller (Uma Noite no Museu)

Melhor Beijo
Cameron Diaz e Jude Law (O Amor Não Tira Férias)
Will Ferrell e Sacha Baron Cohen (Ricky Bobby: A Toda Velocidade)
Columbus Short e Meagan Good (Stomp The Yard)
Mark Wahlberg e Elizabeth Banks (Invencível)
Marlon Wayans e Brittany Daniel (O Pequenino)

Melhor Vilão
Ridrigo Santoro (300)
Tobin Bell (Jogos Mortais 3)
Jack Nicholson (Os Infiltrados)
Bill Nighy (Piratas do Caribe 2 - O Baú da Morte)
Meryl Streep (O Diabo Veste Prada)

Melhor Briga
Jack Black e Héctor Jiménez versus Los Duendes (Nacho Libre)
Gerard Butler vesus Os Imortais (300)
Sacha Baron Cohen vesus Ken Davitian (Borat: O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão Viaja à América)
Will Ferrell versus Jon Heder (Escorregando Para a Glória)
Uma Thurman versus Anna Faris (Minha Super Ex-Namorada)

O Melhor Filme de Verão Que Você Ainda Não Viu
A Volta do Todo Poderoso
Quarteto Fantástico e o Surfista Prateado
Hairspray

Harry Potter e a Ordem da Fênix
A Hora do Rush 3

Transformers

Melhor Cineasta em Campus
Robert Dastoli (Southwestern Orange County vs. The Flying Saucers - University of Central Florida)
Maria Gigante (Girls Room - Columbia College, Chicago)
Josh Greenbaum (Border Patrol - University of Southern California)
Alexander Poe (Please Forget I Exist - Columbia University)
Andrew Shipsides (Bottleneck - Savannah College of Art & Design)

Iron Man

Foi revelada a armadura que Robert Downey Jr. usará em "Homem de Ferro". Veja na imagem abaixo.

O filme estréia exatamante em um ano, 2 de maio de 2008.

[ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, UBERLANDIA, Homem