Cinefilia - UOL Blog
Trilha

Eu comecei o Trilha falando o quanto a música e o cinema são ligados e podem dar a luz a cenas espetaculares. Até agora não tinha postado nenhuma sequência com músicas instrumentais. Então, aqui vamos nós.

O filme de hoje é "Prenda-me Se For Capaz", de 2002, dirigido por Steven Spielberg. Através de uma animação muito elegante, criada por Kuntzel Deygas, os créditos do filme são pontuados pela ótima trilha instrumental criada por John Williams, que inclusive recebeu uma indicação ao Oscar, junto à atuação de um pai fracassado, mas de grande charme de Christopher Walken.

Cliquem na fgura e resistam se forem capazes!


Se você curte paródias, clique aqui e veja uma muito boa feita em "Os Simpsons" ao filme de Spielberg. Aliás, a criatividade desta não perde em nada para a de Deygas.

Go Go Go

O novo filme dos irmãos Wachowski será a adaptação do anime "Speed Racer" para os cinemas. Com muito mais sucesso nos Estados Unidos que no próprio Japão, a animação foi mania na década de 1960. Agora, para a versão live action, o elenco vem sendo definido. E apesar do nome Emile Hirsch ("Show de Vizinha") como protagonista não ser lá de grande peso, o resto dos nomes vêm chamando a atenção. Os pais do piloto serão interpretados por Susan Sarandon e John Goodman. Já namorada de Speed, Trixie, ganha a pele de Christina Ricci.

Ela, que despontou com apenas 11 anos fazendo a Vandinha da Família Adams, tem grande reconhecimento no meio artístico por filmes como "Monster" e "A Lenda do Cavaleiro Sem-Cabeça" e se diz muito animada com o projeto.

Crítica: Borat!

O que você pensaria de um cara machista, anti-semita, que pula de alegria quando perde a mulher e de incorrigível homofobia? Se o que veio à sua cabeça foi um instantâneo “crápula”, espere e veja a comédia sensação de 2006 nos Estados Unidos, “Borat! – O Segundo Melhor Repórter do Glorioso País Cazaquistão viaja à América” (Borat! – Cultural Learnings of Amercia for Make Benefit Glorious Nation of Kazakhstan, EUA, 2006).

 

Esse falso documentário sobre um repórter e seus aprendizados nos Estados Unidos, cujo título e subtítulo ocupam uma linha inteira, traz como protagonista a criação do comediante Sacha Baron Cohen, Borat. Seu objetivo indo à terra do Tio Sam é a de adquirir conhecimentos em benefício ao seu país, Cazaquistão. Contudo o que se vê na tela é um embate de culturas que simplesmente não se bicam. Em quase todos os pontos, é bom deixar claro. É que sob o disfarce de jornalista, Sacha Baron extrai o pior dos habitantes norte-americanos em comentários hilários como “qual a velocidade que um Hummer necessita para matar, com certeza, um grupo de judeus?”, “Acho que uns 60 Km por hora bastam”, responde o vendedor.

 

Esse tipo de humor permeia todo o longa. O interessante em tudo isso é que “Borat” fala de algo sério – a ignorância e preconceito norte-americanos – sem nunca se tornar panfletário. Ao contrário, a acidez do filme não fica só por conta das frases insensatas dos estadunidenses, o próprio protagonista é um poço de incorreções. Em determinado momento ele ri de uma mulher que fala sobre a igualdade dos homens e mulheres na sociedade. Em outra ocasião, junto a seu produtor Azamat, Borat entra em pânico quando descobre estar dormindo numa casa - ou "ninho" - de judeus, chegando a oferecer dinheiro a duas baratas que julgava ser os proprietários transmutados.

 

Em tempos nos quais comédias românticas cada vez mais infantis e humoristas do quilate de Adam Sandler tomam conta dos cinemas, é um alívio perceber que ainda há gente talentosa se destacando. E o melhor de tudo, sem aquele ranço do politicamente correto ditando o que deve ou não ser posto na tela. Cohen brinca com grandes tabus – ele mesmo é judeu – e se sai com um filme a altura de um “Em Busca do Cálice Sagrado” do grupo Monty Python. É pra sair do cinema de alma lavada.

 

Nota: 9

Rents back

O diretor Danny Boyle confirmou ao site Scotsman.com que fará logo, logo a continuação de "Trainspotting", de 1996. Na divulgação, ele disse que todos os atores - entre eles Ewan McGregor e Robert Carlyle - já teriam assinado contrato para "Pornô", adaptação do livro de Irvine Welsh que reune, 10 anos depois, os personagens viciados do original.

Mais Cabeça-de-Teia

Um ótimo trailer de "Homem-aranha 3" está no ar! Novas imagens de Venom, do próprio Aranha e do Duende. Cliquem na imagem abaixo e curtam!

Os 6 eleitos esportivos

O jornal The Sun elegeu as melhores cenas esportivas do cinema em sua história. A vencedora foi o nocaute de Apollo Creed em "Rocky II" de 1979. Na cena, a revanche de Rocky Balboa, os dois lutadores estão esgotados e distribuem socos com dificuldade.

Em segundo lugar veio a cena de "Karate Kid", de 1984, em que Daniel LaRusso luta pela primeira vez. Em terceiro na pesquisa figurou uma partida de golf do filme "Happy Gilmore", de 1996, do personagem Billy Madison, interpretado por Adam Sandler. O quarto lugar ficou a última luta de Jake LaMotta em "Touro Indomável", de 1980. Em quinto, de novo, Rocky Balboa e seu treinamento na Sibéria em "Rocky IV", de 1985. No sexto, a famosa corrida de "Carruagens de Fogo", de 1981.

Clique na imagem abaixo para conferir a cena vencedora.


Cometários de Última Hora: Quer saber, o jogo de futebol que finda "O Menino Maluquinho", pra mim, mata qualquer uma dessas cenas aí. A diferença é que o filme não é sobre esportes.

Grindhouse também dividido por lá

O novo de Quentin Tarantino e Robert Rodriguez não será mais o novo dos dois diretores. É que "Grindhouse" será dividido também nos Estados Unidos depois de ir mal nas bilheterias durante o seu fim-de-semana de estréia. Segundo informações do site Deadline Hollywood Daily, que conversou com Harvey Weinstein, um dos cabeças da produtora Weinstein Co., o seguimento "Death Proof" de Tarantino sai primeiro e alguns meses depois - tempo ainda não definido - vem "Planet Terror" de Rodriguez.

O executivo culpa as 3 horas de filme pelo seu fracasso nas bilheterias. Ele ainda deixa claro que repartindo "Grindhouse" o lucro seria bem maior.

O longa, ou os longas, tem estréia marcada para agosto no Brasil.

Feliz Páscoa!

A Páscoa, como sabem, celebra o ressurreição de Jesus Cristo. Depois de seu calvário e crucificação, o Filho de Deus, renasce, como contam as sagradas escrituras. E aqui no Cinefilia dou minha contribuição para essa data tão celebrada.

Um clássica cena que em seu contexto é uma alfinetada, fora dele é uma boa lição. Claro, sem nunca perder o humor do ótimo Monty Python  em seu "A Vida de Brian".

Aproveitem e Feliz Páscoa (clique na figura).

Abaixo a letra dessa ótima canção de Eric Idle

Always Look On The Bright Side of Life

Some things in life are bad
They can really make you mad
Other things just make you swear and curse.
When you're chewing on life's gristle
Don't grumble, give a whistle
And this'll help things turn out for the best...

And...always look on the bright side of life...
Always look on the light side of life...

If life seems jolly rotten
There's something you've forgotten
And that's to laugh and smile and dance and sing.
When you're feeling in the dumps
Don't be silly chumps
Just purse your lips and whistle - that's the thing.

And...always look on the bright side of life...
Always look on the light side of life...

For life is quite absurd
And death's the final word
You must always face the curtain with a bow.
Forget about your sin - give the audience a grin
Enjoy it - it's your last chance anyhow.

So always look on the bright side of death
Just before you draw your terminal breath

Life's a piece of shit
When you look at it
Life's a laugh and death's a joke, it's true.
You'll see it's all a show
Keep 'em laughing as you go
Just remember that the last laugh is on you.

And always look on the bright side of life...
Always look on the right side of life...
(Come on guys, cheer up!)
Always look on the bright side of life...
Always look on the bright side of life...
(Worse things happen at sea, you know.)
Always look on the bright side of life...
(I mean - what have you got to lose?)
(You know, you come from nothing - you're going back to nothing.
What have you lost? Nothing!)
Always look on the right side of life...

[ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, UBERLANDIA, Homem